sugestões de uso deste blog

bem vindo e bem vinda. este é um labirinto herege: um desafio para medir a astúcia de quem me visita; um convite à exploração sem mapas e vista desarmada. aqui todas as direções se equivalem. as datas das postagens são irrelevantes. a novidade nada tem a ver com uma linha do tempo. sua estrutura é combinatória. pode começar de onde quiser. seja de uma imagem, de um texto, de um vídeo ou mesmo de uma música. há uma infinidade de escolhas, para iniciar a exploração, para explorar esse território e para finalizá-la. aproveite.

escritação

escritação - ah, esses/as profissionais da leitura... e esses/as profissionais da escrita? utilizações apressadas. se vêem como medida segura e critério de tudo. de imediato sacam opniões ditas próprias e pessoais. em termos nietzscheanos, quem consegue viver a leitura e a escrita? ou em termos nutricionais: quem consegue comer e digerir o que lê ou o que escreve? - como sugere oswald de andrade. e mais! quem consegue defecar o que lê e o que escreve? - como sugere julio cabrera. em todo caso não existe algo que é próprio do texto. há tão somente força afim ou contrária do texto. ler e escrever como a gestualidade do estilo  go rin no sho do sensei miamoto musashi. arte de observar e conhecer as forças mais sutis, profundas e superficiais do texto - terra. arte de deixar que o texto tome conte de nosso corpo - água. arte de lutar com o texto, estratégicamente entrar e sair dele - fogo. arte de comprarar texto com desenho, música, teatro, cinema, etc - vento. deixar um texto a tempo, deixando-o sem começo nem fim - vazio. eis minhas outros experimentos com a escrita em ação.

Comentários:

Postar um comentário

 
[A]m[A]nt[E]:|:d[A]:|:h[E]r[E]sIA © Copyright 2009 | Design By Gothic Darkness |